Como funciona a criação de sites

Como funciona a criação de sites

Atualmente acessamos milhares de sites todos os dias em busca das mais diversas informações. Redes sociais, e-mails, notícias, aplicativos e diversos outros serviços são acessíveis justamente porque possuem um site. Mas como funciona a criação de sites?

O processo é bem simples e envolve apenas 3 etapas.

1 – Registro do domínio

Um domínio é um nome único de identificação de um site na Internet. É aquilo que você digita na barra de endereços do seu navegador para acessar o site. Ele é composto por um nome e uma extensão.

Exemplo: meusite.com.br
Nome: meusite
Extensão: .com.br

Na extensão do domínio são especificados a categoria do site e o país de registro.

Os domínios registrados no Brasil possuem a extensão .BR e podem ser de 3 categorias:


  • Domínios de pessoas físicas e profissionais liberais

  • Domínios de pessoas jurídicas

  • Domínios genéricos


Veja na lista abaixo algumas categorias e suas finalidades

.com.br
atividades comerciais

.net.br
atividades comerciais

.blog.br
web logs ou blogs

.edu.br
instituições de ensino superior

.gov.br
instituições do governo federal

.org.br
instituições sem fins lucrativos

Quanto custa registrar um domínio?

A taxa de registro de domínio é de R$ 40,00 / ano. O pagamento pode ser via cartão de crédito ou boleto bancário.

Para registrar, você deve acessar o site Registro.br e seguir as instruções. O processo é bem simples e leva em média 15 minutos. Tudo é feito on-line e no próprio site você consegue pesquisar se um domínio está disponível e registrá-lo. Para a maior parte das categorias de domínios não precisa enviar documentos, basta um cadastro simples.

2 – Desenvolvimento

Nessa etapa o site começa a tomar forma. É nela que o layout será criado e preparado para receber o conteúdo. É a fase onde a criatividade deve ser liberada!

Existem diversas empresas na internet que oferecem um serviço do tipo: faça você mesmo o seu site. Umas mais populares como Wix e Weebly e outras nem tanto, como UOL. Cada empresa tem a sua estratégia para atrair mais clientes, mas todas se baseiam na disponibilização de construtores de sites e templates prontos para ajudar você na criação.

Para se destacar, algumas oferecem mais espaço de armazenamento ou mais contas de e-mails personalizadas. Outras disponibilizam um vasto número de modelos prontos, onde você precisa somente inserir o seu logotipo. Outras oferecem domínio grátis por um ano. Enfim, são várias características a serem analisadas antes de tomar uma decisão.

Independentemente da sua escolha, é importante deixar claro que apesar da facilidade vendida por todas essas empresas, existe SIM uma curva de aprendizado a ser dominada para deixar o seu site com um estilo profissional. São algumas técnicas como tratamento de imagens para melhorar a performance, ajustes de design para tablets, e por aí vai. Cabe a você decidir se o tempo investido nesse aprendizado é mais caro ou barato do que pagar um profissional.

Para ajudar na sua decisão, fiz uma tabela comparativa com as principais características de cada serviço.

Se você não tem tempo para aprender, mas também não quer pagar R$ 500,00 por um profissional, leia esse post.

Wix

  • Grátis
  • Exibe anúncios
  • Armazenamento incluso
  • Comércio eletrônico
  • Otimização para busca
  • Suporte (tutoriais)
  • Hospedagem inclusa
  • Domínio próprio grátis
  • Atualização por experts
  • Mail marketing
  • e-Mail personalizado

Weebly

  • Grátis
  • Exibe anúncios
  • Armazenamento incluso
  • Comércio eletrônico
  • Otimização para busca
  • Suporte (chat, e-mail)
  • Hospedagem inclusa
  • Domínio próprio grátis
  • Atualização por experts
  • Mail marketing
  • e-Mail personalizado

UOL

  • Grátis (R$ 39,90 / mês)
  • Exibe anúncios
  • Armazenamento incluso
  • Comércio eletrônico
  • Otimização para busca
  • Suporte
  • Hospedagem inclusa
  • Domínio próprio grátis
  • Atualização por experts
  • Mail marketing
  • e-Mail personalizado

3 – Hospedagem

Um site é um arquivo de computador como outro qualquer. Como tanto, precisa estar armazenado em algum dispositivo acessível ao público. Esse dispositivo é um computador de alta performance denominado de servidor. Como o próprio nome já diz, ele serve ao público as páginas de internet nele armazenadas.

Assim como na etapa de desenvolvimento, existem serviços de hospedagem pagos e grátis. Em geral, as empresas ofertam o desenvolvimento já integrado com a hospedagem para agregar mais valor e atrair mais clientes.

Conclusão

Se você tem tempo e vontade de aprender sobre criação de sites, invista em cursos e depois escolha a melhor opção para desenvolver seu projeto. Caso contrário, procure um profissional para não se arrepender. Não manche a imagem da sua empresa com um site amador.

Infográfico